Novas tecnologias estão disponíveis para potencializar os resultados nas organizações. Porém, a grande dificuldade de muitas empresas é a estruturação de uma estratégia digital, de forma que as informações possam ser, de fato, úteis para o negócio.

O SAP Leonardo e suas potencialidades vêm, justamente, para trazer uma série de benefícios para as organizações que queiram sair do lugar comum, colocar a mão na massa e ver uma melhoria das estratégias de geração de valor, conseguindo superar as expectativas dos clientes.

Continue lendo este post e veja como isso é possível, em longo prazo, conseguir melhores resultados para a empresa.

O que é SAP Leonardo?

Em primeiro lugar, é importante contextualizar o que é o SAP Leonardo. É um sistema de inovação que, essencialmente, trabalha com o potencial das tecnologias em ascendência como Internet das Coisas (Internet of Things ou IoT). Seu objetivo é unir coisas, processos e pessoas em uma cadeia digital, operando em tempo real.

Escotta - Consultoria, Projetos e Soluções SAP

Esse tipo de solução permite, portanto, a geração de novos modelos de negócios, processos organizacionais mais otimizados e a possibilidade de uma conexão de produtos, pessoas e infraestruturas em uma única plataforma. Assim, ele atende a uma nova era das transformações digitais, as quais há a necessidade de integração entre Internet das Coisas, Inteligência Artificial, Big Data e Analytics.

As empresas que não investirem nisso poderão ter problemas futuros, bem como perderem importantes diferenciais competitivos. Afinal, esses são os pilares que permitem a automação de diversos processos, que garantem agilidade interna e, consequentemente, o cumprimento — e, até mesmo, superação — das expectativas dos clientes. Logo, os negócios devem começar a preparar os terrenos para essa nova era.

Por meio dessa solução, os clientes podem integrar serviços de Machine Learning, IoT, Big Data, Blockchain etc. Ela se ampara em três pilares, segundo o especialista em Transformação Digital da SAP, Christian Geronasso:

  • tecnologias inovadoras;
  • Open Innovation, com o objetivo de criar soluções inéditas através do Design Thinking;
  • aceleradores chamados de Industry Innovation Kits, que permitem acelerar a inovação com baixo risco.

Quais são os benefícios do SAP Leonardo?

O uso do SAP Leonardo permite diversos benefícios para a organização, tais como:

  • possibilidade de atender a demanda em curto prazo, com uma resposta digital eficiente;
  • otimização e melhorias nos processos logísticos;
  • tomadas de decisões mais eficientes e melhor embasadas;
  • visão integrada da organização;
  • transparência nos processos;
  • não há necessidade de ter sistemas SAP para utilizar o SAP Leonardo, já que ele independe de sistemas.

Há possibilidade de estratégia de cadeia de valor?

Sim. O SAP Leonardo pode ser utilizado com as estratégias de integração de cadeia de valor. Mas, antes de compreender como isso funciona, é importante deixarmos mais claro esse contexto.

A estratégia de cadeia de valor é um conceito que advém da administração. Ela diz respeito às atividades de uma organização, cujo objetivo é a geração de valor perante seu público-alvo. Foi criada por Michael Porter, portanto, também pode ser conhecida como Cadeia de Valor de Porter, em sua homenagem.

Porter descreve os processos que as empresas podem seguir, a fim de analisarem a conexão entre eles, compreenderem como essas atividades determinam os custos e afetam os lucros do negócio. Isso auxilia no entendimento de quais são as fontes de valor do negócio.

Essencialmente, é por esse processo que as organizações recebem insumos, realizam relacionamentos com fornecedores, agregam valor às matérias-primas utilizadas para criar um produto único e, posteriormente, realizam as vendas desse item para o cliente final.

Ano após ano vemos as barreiras desta cadeia de valor se desfazerem. Manufaturas entram nos processos dos seus fornecedores e, consequentemente, varejistas nos processos de seus distribuidores. O SAP Leonardo potencializa a ação de cada participante da cadeia, habilitando-os a ter uma visão mais completa e otimizada.

Afinal, qual relação entre SAP Leonardo e cadeia de valor?

Como vimos, a estratégia de criação de valor diz respeito a como as empresas realizam os processos de geração de valor de seus produtos em todo processo produtivo. Dessa forma, está relacionado com o Supply Chain.

Escotta - Consultoria, Projetos e Soluções SAP

O SAP Leonardo entra nesse processo, pois é uma solução que auxilia as empresas a inovarem com um retorno rápido e baixo risco em suas ações, bem como oferece uma visão integrada da empresa, permitindo uma gestão mais eficiente da produção e agregando maior valor a cada parte do processo.

Quer ver um caso de sucesso da SAP, citada pelo especialista em Transformação Digital SAP, Christian Geronasso? Ele mencionou a Costco, uma das maiores varejistas do mundo (só a sua área de panificação gera uma receita anual de mais de 1 bilhão de dólares).

O objetivo deles era a integração da cadeia de valor desde o varejo até a produção de pães. Ao analisar a situação e implementar as soluções, aplicaram as ferramentas de Machine Learning para entender as ações específicas a serem inseridas durante a cadeia. Esse procedimento trouxe de retorno para a Costco 100 milhões de dólares só com redução de desperdícios.

Em um processo de co-inovação, junto com a empresa, criaram um acelerador — o Industry Innovation Kit —, que já está 80% pronto e pode ser levado aos demais clientes SAP, trazendo métodos acelerados, risco reduzido e comprovação dos consumidores.

Isso tudo pôde ser realizado graças aos avanços promovidos pelo uso do SAP Leonardo, que facilita a criação dessas soluções e sua implementação no ambiente empresarial.

Como SAP Leonardo, IoT, Big Data e Machine Learning otimizam a cadeia de valor?

IoT

A Internet das Coisas cumpre um papel importante no processo de otimização da cadeia de produção, gerando valor para a empresa. Quer ver um exemplo disso, conciliando com o SAP Leonardo, segundo o especialista Christian Geronasso?

Uma organização decide instalar sensores em um caminhão para monitorar transportes, índice de paradas, quantas vezes a porta foi aberta e fechada, consumo de combustível, acompanhamento de rota etc. Com isso, teremos diversos sensores IoT instalados no veículo (no pneu do caminhão, controlando a temperatura da carga, por exemplo).

SAP Leonardo e Big Data

Esses sensores gerarão inputs constantes que serão processados pelo SAP Leonardo e conduzidos a uma tecnologia chamada Big Data. Dados serão distribuídos, de acordo com sua prioridade, em bases quentes, mornas e frias, dependendo do tipo de resposta que a organização necessita naquele momento.

Entenda, se a empresa necessita de uma mudança de rota imediata, a informação irá para bancos de dados mais rápidos. Agora, caso necessite de uma análise mais longa e ponderada, o sistema levará o input para um banco de dados mais lento, que trabalhará as informações em longo prazo.

Machine Learning

A análise do banco de dados leva à necessidade do Machine Learning para analisar as informações e gerar insights. No exemplo anterior, ele seria responsável pela situação de “Estou aqui monitorando o Twitter e percebi que há uma passeata na região, é melhor mudar a rota do caminhão”.

Assim, as tecnologias integradas por meio do SAP Leonardo, permitindo o uso da Internet das Coisas, fazem com que seja gerado um diferencial para o negócio. Seguindo o contexto anterior, acerca da geração de valor, a entrega permanece com a data alterada, mesmo diante de soluções atípicas e inesperadas.

É essa a revolução que o SAP Leonardo traz para as organizações:

A possibilidade de tomar decisões mais inteligentes no dia a dia, com análises eficientes, levando em consideração a experiência dos clientes. É importante para que as corporações realizem, de fato, decisões como uma Empresa Inteligente, com base em dados consistentes. Vai muito além de apenas de saber quantas vezes a porta do caminhão foi aberta, mas de compreender o que isso significa e como tomar a melhor decisão, o mais rápido possível.

Agora que você sabe como o SAP Leonardo pode ser interessante para sua organização, que tal descobrir como implementá-lo? Entre em contato conosco e tire suas dúvidas sobre o assunto.

Escotta - Consultoria, Projetos e Soluções SAP